Notícias

Lutar não é crime! Contra a condenação dos 23 ativistas do Rio de Janeiro

18.07.18 Geral, Notícias Tags:, ,

A Justiça do Rio de Janeiro condenou à prisão nesta terça-feira, 17, 23 manifestantes que participaram de protestos em 2013 e 2014 no Rio de Janeiro. As penas vão de 5 a 7 anos de prisão, e os ativistas são acusados de formação de quadrilha, dano qualificado, lesão corporal e corrupção de menores.

A Fenametro repudia essa condenação e se coloca contra a criminalização dos movimentos sociais e da luta por direitos.

Veja também  Com aumento da tarifa de metrôs, trens e ônibus, acontecem protestos em todo o país

A decisão do juiz Flávio Itabaiana de Oliveria Nicolau coloca a luta e a organização social como um crime, o que não aceitaremos.

Infelizmente convivemos cotidianamente com este carater seletivo da justiça, que tenta calar a luta no campo e na cidade!

Nenhuma perseguição aos movimentos sociais! Lutar não é crime!