Notícias

Ministra Damares Alves ataca mulheres e LGBTS

04.01.19 Geral, Notícias

Uma declaração da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, divulgada nesta terça-feira, 3, causou grande indignação.

Damares, que em sua posse afirmou que apesar do Estado ser laico ela é “terrivelmente cristã”, declarou em um vídeo que “menino veste azul e menina veste rosa”, revelando uma imposição do que se entende como adequado para cada gênero.

A fala da Ministra revela diversos preconceitos, como o machismo e a transfobia. Lida ao pé da letra, impõe padrões estéticos para definir o que cabe as meninas e aos meninos, e se compreendia como metáfora, como Damares afirmou ser sua intenção, revela um negação da identidade de gênero das pessoas trans.

Veja também  Eleição do Sindicato dos Metroviários do Rio de Janeiro começa no final do mês

O Brasil é líder mundial de assassinatos de pessoas transgêneras e também onde uma mulher é assassinada a cada duas horas. Falas como a da Ministra só contribuem para agravar este quadro e não trazem esta realidade para ser debatida na sociedade.

Repudiamos a fala da Ministra, assim como o projeto de promoção do machismo, racismo e LGBTfobia do governo de Jair Bolsonaro (PSL). A vida das mulheres, negras e negros e LGBTs importa!