Notícias

Metroviários de SP Iniciarão Campanha Salarial com Força Total pela Reintegração Imediata dos Demitidos!

20.04.15 São Paulo Tags:, ,

Juíz do Trabalho, Thiago Sória Melosi, em sua sentença de julgamento no processo de reintegração dos Metroviários SP, diz que as dispensas realizadas pelo Metrô são inválidas e que os trabalhadores deveriam ser reintegrados!

Apesar de a justiça determinar reintegração de 37 metroviários, o juiz disse que para efetivar a reintegração não depende dele, mas sim da extinção de um mandado de segurança o qual cassou a liminar de reintegração concedida anteriormente, este mandado foi julgado pela Desembargadora Iara Ramires da Silva de Castro, que na época considerou que o Metrô não havia tido tempo para defesa (contraditoriamente, pois demissão por justa causa deve ser comprovada no ato). De qualquer forma, como o processo já cumpriu todos os procedimentos até o julgamento, essa alegação não é mais válida e por isso não deveria impedir a reintegração dos trabalhadores.

Nesse sentido os Metroviários de SP iniciarão campanha salarial com força total pela reintegração imediata dos demitidos. Este tema já está elencado como item principal da pauta dos trabalhadores e já está sendo elaborado um cronograma com atividades para a criação de estratégias a serem executadas com esse objetivo.

Veja também  Federação denuncia à ONU demissões arbitrárias de metroviários

Vale lembrar que a cassação da liminar que reintegrava os metroviários, foi executada na véspera de Natal, mesmo com o Judiciário em recesso, consequentemente sem despacho e publicação no Diário Oficial, ou seja, desta forma a empresa tem total condição para cumprir a sentença sem aguardar todos os trâmites legais, inclusive não sendo obrigada a recorrer do resultado em 2° instância. Por isso, os trabalhadores estão dispostos a pressionar a Cia para que cumpra a determinação da justiça e não recorra.

A FENAMETRO acompanhará de perto, auxiliando e apoiando os Metroviários de SP para que conquistem efetivamente essa vitória.