Notícias

26 de outubro: Dia do Metroviário

26.10.17 Geral, Notícias Tags:,

Hoje é dia nacional do metroviário e da metroviária. Somos aqueles que, embora poucos nos vejam, fazemos o trem andar, consertamos os trens, fazemos manutenção preventiva, pintamos os trens. Em algumas outras tarefas, lidamos diretamente com os usuários, vendendo Bilhete, passando informações e garantindo a segurança dos usuários.

O Metrô é muito presente na vida das cidades que o possuem. Na maioria dos casos sua extensão é pouco em relação ao que as cidades e a população precisam, mas uma presença marcante na cidade porque de fato é um modal que facilita e agiliza o transporte em massa, por isso que é muito importante o que se tem e é necessário ampliar mais.

É muito importante destacar que quem faz o Metrô existir e acontecer em todo país são seus trabalhadores, os operadores de trem (ou pilotos, como se chama no Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul), os trabalhadores da manutenção, mecânicos, eletricistas, técnicos, etc. São também os agentes de estação e segurança, responsáveis pelo funcionamento desse sistema tão importante.

Hoje em dia, o governo federal e diversos governos estaduais querem atacar o transporte público de diversas formas e uma delas é a privatização desse sistema. Alckmin quer privatizar o Metrô de São Paulo, Temer os metros de Belo Horizonte, Distrito Federal e Porto Alegre.

Veja também  Metroviários de São Paulo decretam greve para o dia 5

Com isso, está em risco a função metroviária, porque na lógica da privatização, a lógica do lucro, quanto menos funcionário, melhor. Porém, mais do que isso, uma medida que ataca a população que usa e precisa do metrô. Por isso, quem deve ser identificado com a importância do metro são os próprios metroviários e metroviárias, e não os governos que atacam esse sistema.

O poder de nosso trabalho faz também com que sejamos muito determinantes em processos de mobilização dos trabalhadores. Quando se pensa em greves gerais, os trabalhadores do transporte são muito requisitados para entrar em luta. Também somos muito atacados quando fazemos greves, porque os governos vendem a falsa ideia de que só nos preocupamos com o nosso salário. Isso não é verdade. Melhorar nossas condições de trabalho incide na vida de quem usa o transporte público, quem usa o metrô, que é fruto de nosso trabalho.

Por isso, o dia do metroviário e da metroviária é um dia para reconhecer aqueles que fazem realmente o metrô funcionar e aqueles que se conquistam melhores condições de trabalho, o que passa pela ampliação desse sistema, melhora também a vida dos usuários, da população como um todo.

Parabéns a todos nós, e sigamos sendo uma referência de briga e de luta.