Notícias

Direitos previdenciários e trabalhistas estão ameaçados!

15.08.16 Geral, Notícias Tags:, ,

Trabalhadores vão às ruas protestar e denunciam ataques dos governos

Privatizações, reforma da previdência e retirada de direitos trabalhistas, estas são as ameaças enfrentadas hoje pelos trabalhadores brasileiros. Em pauta na Câmara dos Deputados, no Senado e no Executivo, estas mudanças pretendem piorar muito as condições de trabalho da população.

Com o falso argumento de déficit na previdência, o presidente interino Michel Temer (PMDB) anunciou que é sua prioridade a aprovação da Reforma da Previdência, projeto que trará grandes retrocessos. Entre as alterações pautadas está a imposição de uma idade mínima de 65 anos para aposentadoria, negativa àqueles que começam a trabalhar mais cedo, além da desvinculação do reajuste da aposentadoria com o salário mínimo, proposta que prejudicará especialmente a população mais pobre.

Outra mudança prevista é na CLT, com aumento da jornada de trabalho, redução de salário e alterações no 13º salário, nas férias, no auxílio-creche, na licença paternidade e no FGTS. Os argumentos são que as atuais regras já não atendem ao mercado, mas sabemos que isto significa na verdade mais lucro para os empresários às custas do sacrifício dos trabalhadores.

Veja também  Governo amplia terceirizações e quer acabar com a CLT

E se retirar direitos já não fosse significativo ainda há a tentativa de privatização de metrôs, ferrovias, portos e aeroportos, aliando a privatização com a terceirização. No caso dos metrôs, já há anúncios de privatização dos metrôs de São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Nesta terça-feira, 16, haverá manifestações em todo o país contra a retirada de direitos. A Fenametro estará presente junto a movimentos sindicais, populares e sociais e convida a todas e todos a participarem! Apenas com a unidade e a mobilização dos trabalhadores conseguiremos barrar estes retrocessos!