Notícias

8 de março, o que temos para comemorar? A luta das mulheres!

08.03.16 Opinião do Diretor Tags:, ,

O dia de hoje é um dia de luta das mulheres de todo o mundo! Em sua origem o 8 de março surge por reivindicações de diversas mulheres por melhores condições de trabalho e uma sociedade justa e igualitária.

Vivemos um tempo de mudança, e mesmo numa sociedade patriarcal e machista, cada vez mais as mulheres conquistam espaços que sempre lhes foram negados. O 8 de março é um dia para comemorar ou de luto e de luta pelas 16 mulheres assassinadas por dia no Brasil? Pelo assassinato de mulheres negras que subiu 54% nos últimos 5 anos? Luta ou luto pois a cada 10 segundos uma mulher é agredida ou porque o aborto clandestino já é a terceira causa de morte entre as mulheres?

É um dia de luta porque a crise econômica que foi criada pelos governos federal e estaduais está sendo jogada nas costas da classe trabalhadora. São as mulheres as mais atacadas pelo “ajuste fiscal”, com cortes no orçamento da saúde, da educação e pela diminuição do direito a pensão por morte. São elas que mais utilizam o SUS e representam 89% dos pensionistas.

Veja também  Mulheres da Fenametro participam de ações neste 8 de março

Mais ataques estão sendo orquestrados para as mulheres! Com a nova proposta de Reforma da Previdência, igualando a idade de aposentadoria de homens e mulheres, ignora-se que as mulheres já tem uma dupla e até tripla jornada de trabalho.

Para nós mulheres metroviárias a privatização e a terceirização, marcasda precarização dos direitos, já estão presentes. No Metrô de São Paulo tivemos um exemplo dessas práticas com o que aconteceu com a Higilimp, empresa terceirizada que deixou 400 funcionários, dos quais 90% são mulheres, sem salário e sem emprego.

Tivemos conquistas mas ainda falta muito para termos a igualdade a que temos direito. Lutamos por um mudo sem exploração e sem opressão, onde não sejamos julgadas pela cor de nossa pele, por nossa orientação sexual, pelas roupas que usamos ou por padrões de beleza inatingíveis.

Por igualdade salarial e de direitos!
Pela legalização do aborto! Aborto legal e seguro já!
Basta de violência contra a mulher!
Vamos derrotar a Reforma da Previdência!
Por um mundo sem exploração e sem machismo!

Diretoria de Assuntos das Mulheres