Notícias

Dia de luto e de luta prepara “greve sanitária” em São Paulo.

16.04.21 Notícias

Dia de Luto 

Por  todas e todos que perderam suas vidas Pandemia.

172479139_4013226472092820_6113821659203336201_n (1)  Colegas metroviários ,  ferroviários , motoristas e cobradores de ônibus . Profissionais  que não pararam de trabalhar  em nenhum momento da pandemia,  colocando sua vida em risco para transportar funcionários da saúde , dos supermercados , frentistas, da segurança e limpeza pública  e outras atividades essenciais . Milhares de trabalhadores de transporte publico foram contaminados .  A taxa de contaminação entre os motoristas de ônibus, metroviários e ferroviários é maior do que a taxa nacional.

Somos 8200 trabalhadores do Metrô de São Paulo e já foram mais de 1000 contaminados pela Covid. Perdemos 24 colegas de trabalho nas linhas 1, 2 ,  3 e 15.  As empresas privadas que operam as linhas 4 e 5 escondem os números da Covid-19.

Veja também  Metroviários de todo país estarão em greve nesta sexta-feira, 14

Ir trabalhar com a notícia de um colega falecido é doloroso.

Um forte dia de LUTA

174102245_3925662334169984_3493394476376666239_n Metroviários e ferroviários de SP vestiram preto neste “dia de luto, dia de luta!” como preparação da greve sanitária no dia 20 de Abril  em defesa da vida.

Trabalhadores em transporte estão entre os mais expostos e afetados pela Covid-19 e, por isso, merecem o reconhecimento e proteção. Defendemos  : efetivação de um lockdown como medida para aumentar as taxas de isolamento social e, consequentemente, conter a transmissão do vírus, conforme indicam especialistas; retorno do auxílio emergencial de R$600,00; vacinação imediata de todas trabalhadoras e trabalhadores do setor de transportes públicos .

172517880_3925662094170008_5971815400221707403_n

IMG-3546 IMG-3547 IMG-3548

174610179_3925704294165788_4036394653003685831_n