Notícias

Metroviários do Rio Grande do Sul aprovam ajuda de subsistência para trabalhadores afastados pela Trensurb

14.08.19 Notícias, Rio Grande do Sul

Os metroviários do Rio Grande do Sul aprovaram por unanimidade nesta terça-feira, 13, em assembleia da categoria, uma ajuda de subsistência para os 6 trabalhadores punidos pela Trensurb após a greve geral. Os metroviários foram acusados de ações que não cometeram e tiveram seus contratos de trabalho suspensos pela empresa.

De acordo com o Sindicato dos Metroviários do Rio Grande do Sul a verba é “visa amenizar uma injustiça cometida pela empresa que, num ato político, julgou e condenou os colegas sem ao menos abrir um procedimento interno para apuração dos fatos.”

Veja também  10 de novembro: dia de luta contra as Reformas e as privatizações!

A Fenametro saúda a iniciativa de solidariedade da categoria, que apoia aqueles que lutam em defesa dos nossos direitos. Seguimos repudiando a ação da empresa e sua postura antissindical, que tenta impedir o direito de greve dos trabalhadores. Exigimos a imediata revogação da punição dos trabalhadores.

Os metroviários estão em luta contra a Reforma da Previdência e em defesa do metrô público, estatal, e de qualidade, por nenhuma privatização.

Todo apoio e solidariedade aos companheiros metroviários do Rio Grande do Sul.